17
dez
2014

 

miley-cyrus-a-super-agente-filme

Conheçam a nova arma secreta do FBI: Molly Morris, personagem principal interpretada pela Miley Cyrus é uma detetive particular criada nas ruas, investigando supostas traições conjugais entre casais, até que é contratada por livre e espontânea pressão pelo FBI para se infiltrar em uma irmandade de garotas em uma universidade e proteger a filha de um poderoso mafioso que pode estar correndo perigo.

um sp

Nessa missão, Molly ganhara uma identidade falsa, virara Brooke e deverá mudar de atitude e transformar-se em uma garota refinada como as demais integrantes da irmandade. Não posso contar mais nada galera, só vocês assistindo e rindo muito pra saber. O filme é uma comédia com um misto de romance e alias, Miley atua tão bem quanto canta. Vamos ver o trailer? 

Em LOL ou Lola, Miley interpreta a jovem e confusa adolescente Lola, entre brigas com a mãe e com o namorado ela sente na pele o que é ser uma jovem problemática que só quer saber de se divertir com os amigos. Um dos pontos altos do filme (além da trilha sonora perfeita), é a união da galera. As brincadeiras, as piadas, as brigas e os conflitos amorosas que tornam o filme tão real. No filme ela namora Chad, um garoto aparentemente perfeito, apaixonado por música e que toca numa banda. Isso até ela descobrir que ele é um enorme galinha e após do termino de um romance quase perfeito ela se vê apaixonado pelo seu melhor amigo Kyle.

Além dos seus problemas na escola, notas baixas e a relação com a sua mãe que vai de mal a pior ela deve dar a volta por cima superando o fim deste relacionamento, acordando diante dos sentimentos que descobre ter pelo seu melhor amigo e reconquistando a confiança da sua mãe podendo assim viajar no final do semestre para Paris com sua turma. O filme é uma divertida comédia que retrata com bom humor e naturalidade a realidade dos jovens de hoje em dia.

Miley_20120810lola0018

Em um mundo onde somos diretamente conectados, todos passamos por essa fase turbulenta de nossas vidas que é chamada “adolescência”, onde tentamos concertar as coisas e acabamos bagunçando tudo sem saber o que fazer diante de tantos problemas. Vamos ver logo o trailer?

Se todo adolescente só pensa em se divertir e curtir a vida, acho que este filme é uma história das nossas vidas, onde certo dia acordamos e passamos por esse provável amadurecimento. Espero que vocês gostem das indicações de filmes, viu? E pra quem já assistiu algum deles, vale a pena me contar de qual vocês mais gostaram ou querem ver novamente… Confesso que Lola é só amor e me conquistou pessoal  ♥





16
dez
2014

estilo-atrevidos-classicos-que-nao-saem-de-moda

É considerado “clássico” tudo aquilo que resiste ao tempo. Entra ano e sai ano, temporadas de moda e tendências que vem, voltam e vão. E independente das novidades e do tempo existem aqueles itens do mundo da moda que realmente caíram no gosto do povo e nos dias de hoje são considerados verdadeiros clássicos. Resistindo assim as modernidades e muitas vezes impedindo com o que de alguma forma, sejam substituídos. E hoje trago para vocês alguns itens que já são considerados verdadeiros clássicos de estilo quando o assunto é moda.

estilo-atrevidos-classicos-que-nunca-saem-de-moda

Como vocês podem ver na edição, selecionei tudo o que pra mim já é considerado um clássico e claro, também, me serve de inspiração. Agora me digam, o que vocês consideram ser um clássico de estilo? Além do batom vermelho e do bom e velho jeans, é claro…  Já usaram ou usam alguns dos clássicos que citei? Quero novas propostas, por isso opinem à vontade. Ah! E opinião de mãe, avó, também valem :smile:





15
dez
2014

kipling-estiloatrevidos-make-happy

O que te faz feliz? Aproveitar o final de semana com a família. Terminar de ler um livro e não jogar ele contra a parede decepcionada com o final da história. Assistir The Vampire Diaries e se derreter no sofá pelos irmãos Salvatore. Comer brigadeiro de panela até não aguentar mais. Pegar um cineminha com o boyfriend, escutar sua música favorita ou fazer a it girl no provador do shop com as amigas. O que realmente te faz feliz? Parece uma pergunta boba, daquelas que você responde sem pensar diante de inúmeras alternativas que a vida te dá.

kipling-estiloatrevidos-sapatos-collection

E foi pensando em você e em todas as suas fases de felicidade que a coleção Kipling Shoes Spring 15 foi criada. Chega de bad day! Focada no conceito Fun and Fresh, os calçados seguem a mesma linha das bolsas e combinam com tudo. Os novos modelos da coleção são os Sneakers lindos (Joy, Joice e Kate), as sapatilhas Ballerinas encantadoras (Ella, Fany, Karly, Stacy), os Moccasins (Mara), incríveis e as confortáveis Sandal (Bonnie), que foram lançados um pouquinho mais tarde.kipling-estiloatrevidos-sapatos-sneakers-love

Toda a coleção tem aquela pegada de conforto e leveza, sem contar que está mega estilosa, com modelos incríveis, novas estampas e cores com um design arrojado, mantendo a identidade da marca. Tornando a ida à escola, trabalho, faculdade e até mesmo pra balada mais confortável e na moda. Confesso que os Sneakers pra mim foram amor à primeira vista (o modelo Joice já entrou pra wishlist), e fiquei surpreso com tanta variedade. Acho que dando a sorte de encontrar um deles com uma numeração um pouquinho maior  por aí, até os meninos podem se jogar na vibe e adaptar o Fun and Fresh ao seu estilo.kipling-estiloatrevidos-sapatilhas-collectionAs sapatilhas Ballerinas são outro caso de amor a parte, não é mesmo meninas? Além de super confortáveis, possuem um estilo bem romântico e cool. O mais legal é que cada modelo tem a sua própria identidade e além das cores, eles combinam com vários tipos de looks, portanto, não importa se o seu estilo faz a linha mais básica ou a mais produzida. Assim como todas as bolsas da Kipling, cada sapato se adapta ao seu estilo.dica-de-look-kipling-shoes

Curiosidades sobre a marca:

A Kipling foi fundada em 1987 na cidade belga de Antuérpia por três amigos, Vincent Haverbeke, Paul Van De Velde e Xavier Kegels, não demorou muito para que a ideia inovadora de misturar poliamida (nylon), design e diversão, se tornasse uma das marcas mais casuais e conhecidas em todo o mundo. E só em 1997 a marca veio desembarcar oficialmente aqui pelo Brasil. O nome “Kipling”, surgiu quando os designers estavam procurando uma palavra que não significasse nada em língua nenhuma e fosse fácil de pronunciar no mundo inteiro.

A inspiração para o nome foi o autor Josep Rudyard Kipling, um dos maiores contadores de história do mundo e autor de “O Livro da Selva”. O livro, que conta a história do menino-lobo: o pequeno Mogli e mostra o comportamento irreverente e alegre dos macacos, também foi inspiração na hora de escolher o mascote (chamado de Kipling Monkey), que virou a grande referência da marca entre os consumidores. O conceito deles também é um ponto legal de se falar. Vocês sabiam que o termo “Make Happy”, gira em torno de você? Isso, mesmo de você. Vestindo, calçando, usando e fazendo o que você gosta desde que te faça feliz. Você sendo você mesmo. :smile:

Gostaram da nova coleção? Eu simplesmente amei tudo! Qual dos modelos você já colocou na sua wishlist também, hein? Me digam aqui nos comentários…





12
dez
2014

tumblr_mw9krxaQqz1raw451o4_500

Pergunta da T. do Rio Grande do Sul, de 17 anos: Namoro há um ano, comecei a namorar com 16 e logo fui morar com meu namorado em outra cidade. Deixei minha família e fui morar com ele. Bom, ele é uma pessoa muito boa, trabalhadora e faz de tudo pra me ver bem, tudo que eu peço ele faz por mim e me ama muito.

Também gosto muito dele por ele ser essa pessoa maravilhosa, mas acho que já não o amo mais, sinto falta de sair sozinha, de ter amigas. Aqui não tenho amiga nem nada, nem sair de casa eu saio. Não estou estudando, ele esta estudando a vida dele está indo pra frente, mas e a minha? A minha está parada, mas tenho medo de terminar com ele, porque não quero magoa-lo e tenho medo de me arrepender depois.

E conheci um cara muito bom ele é bem mais velho que eu e ele quer que eu deixe meu namoro pra ir morar com ele, diz ele que quer me ver crescer na vida, mais eu não sei o que faço por que não quero magoar o meu atual, eu nunca trai meu namorado e não quero trair ele, eu não sei o que fazer. Me ajudem, que decisão eu tomo meu deus?

Resposta: Oi, T! ♥ Se sentir sufocada faz parte das coisas que devemos aprender sobre a vida. Já parou pra pensar que talvez não seja o seu namorado que te sufoque e sim você mesma? Isso mesmo, você mesma com as suas próprias atitudes. Não estou aqui para julgar quem esta certo ou errado e sim para ajudar. Primeiramente, você começou a namorar muito cedo e ao mesmo tempo saiu da casa dos seus pais.

Fazendo isso você pulou uma parte enorme da sua vida, é como acabar de entrar na pré-adolescência e escorregar direto pra vida adulta. E não vejo mal algum nisso desde que você esteja feliz. Se ele é um bom namorado, no caso marido já que vocês estão morando juntos. Se ele é trabalhador e faz de tudo para te fazer bem de valor. De valor a essas pequenas provas de amor que são raras em alguns homens hoje em dia. Se você quer que a sua vida também vá para frente, tome uma atitude e comece a estudar.

Sente e converse com o seu namorado, saia mais com ele e tenham momentos juntos. Conheça novas pessoas e faça das amigas dele suas amigas. E jamais, jamais troque o certo pelo duvidoso. Esqueça desse outro cara mais velho que te propôs a deixar seu namorado. Lembre-se que não devemos acreditar em tudo que os homens falam. E da mesma forma que este cara mais velho lhe fez essa proposta indecente, depois que ele conseguir o que quer pode fazer essa proposta pra outra idiota e não tente provar que estou errado, por que não estou e você saberá disso quando ele te largar.

E vocês? Diriam o que para ela? Querem saber mais sobre a coluna “Overdose de Sentimentos”, é só enviar o seu desabafo pra gente.





12
dez
2014

I36xF7QHewI

 

Pergunta da Alice da Bahia, de 15 anos:Eu amo um menino que há algum tempo atrás também me amava só que a minha mãe descobriu que estávamos namorando e a gente foi obrigado a terminar. Depois voltamos a ter contato e descobriram sobre o nosso namoro novamente. Eu me afastei sem se quer dizer o porquê e ele tentou entender. Eu nunca expliquei pois tinha medo da reação dele e quando criei coragem pra falar já erra tarde de mais pois ele estava namorando. Mais ele falou que não gosta da namorada como gosta de mim, e a gora o que eu faço? me ajudem.”

Alice querida lamento mais eu acho que não posso te ajudar. Não posso por que dessa vez ninguém quebrou o seu coração. O que eu pude notar ai foi muita falta de confiança, falta de confiança em relação a você e sua mãe. Acho que sua mãe ainda deve te olhar como a garotinha dela e acredite ficar namorando escondido e tentando ir contra ela não vai resolver nada. Eu já passei por essa fase de adolescente confuso e aparente rebeldia, e isso é passageiro mesmo. Ainda mais quando o assunto é namoro.

Nossos pais sempre querem o melhor pra nós, nos proteger. Tente mostrar pra sua mãe que você está crescendo e que ela pode confiar em você. O melhor a se fazer no momento é esquecer um pouquinho dos garotos e curtir mais momentos mãe e filha e conquistar a confiança da sua mãe. Acredite, ela confiando em você e estando do seu lado tudo se tornara mais fácil. E ela também tem que entender que mais cedo ou mais tarde a garotinha dela também vai se interessar por garotos e começar a namorar.

E diante da situação o garoto não tinha que tentar entender nada e nem você ficou de explicar nada, pois só pelo fato da sua mãe proibir já esta tudo muito claro. E não caia nessa história de que ele te ama mais do que a atual e que terminaria tudo com ela só pra voltar pra você. Pare e pense! E se fosse você no lugar da atual? E se um dia for você no lugar dela? Pois da mesma forma que ele esta disposto a fazer isso para voltar com você um dia ele pode fazer o mesmo com você pra ficar com outra. Então, acorda pra vida. Pare de acreditar em tudo o que os homens falam e tente conquistar a confiança da sua mãe. Ai sim as coisas irão melhorar.

E vocês diriam o que pra Alice? Querem saber mais sobre a coluna “Overdose de Sentimentos” então clica aqui.